ACE fecha parceria com o Observatório Social

22 de fevereiro de 2018 09:54

Via: ACE Jundiaí

 

A Associação Comercial Empresarial de Jundiaí (ACE) fechou parceria com o Observatório Social (OS) do município. O anúncio foi feito na noite desta segunda-feira, durante o 2º Encontro de Transparência e Controle Social, que contou com a participação do Conselheiro do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo, Sidney Estanislay Beraldo.

Durante o evento, as voluntárias do OS, Marcela Sproesser Cascaldi e Bruna Quirino, apresentaram o relatório quadrimestral referente ao período agosto/setembro de 2017 e reforçaram que o Observatório é uma rede com metodologia padronizada que tem como finalidade o controle social. O OS é caracterizado como associação apartidária e sem fins lucrativos, que conta com a participação dos cidadãos para o monitoramento das contas públicas do município, da Prefeitura e Câmara Municipal, por exemplo, desde a publicação de licitações até a entrega dos serviços ou produtos.

No ano passado, foram 56 licitações mas os voluntários só conseguiram acompanhar o processo de seis. “Necessitamos de recursos humanos e financeiros”, disse Marcela. “Precisamos de mais pessoas para ajudar.”

É esta ajuda que a diretoria da ACE, que tem como meta uma gestão transparente, vai dar. A Associação Comercial vai ceder espaço e estrutura operacional para os voluntários trabalharem em sua sede e recursos financeiros (já previstos no orçamento da entidade) para que o Observatório possa ampliar o trabalho que vem fazendo no município. Em contrapartida, espera beneficiar o associado, divulgando as licitações e estimulando a participação nas concorrências públicas, que hoje têm baixa adesão de empresários da cidade. “Atualmente 50% das compras efetuadas pela Prefeitura são de empresas de Jundiaí. Isso é positivo porque mantém o nosso dinheiro no município”, disse o presidente da ACE, Elton Monteiro. “Queremos aumentar este número, fazendo um trabalho de conscientização e treinamento para que o pequeno empresário possa também participar das licitações, para que ele se capacite.”

O apoio da ACE ao Observatório foi bem recebido entre empresários. Paulo Costa, proprietário de lojas da rede McDonald’s e um dos articuladores para a formação do Observatório em Jundiaí, em 2016, disse que esta será uma parceria de “ganha a ganha”. Segundo ele, a aproximação tem dois pontos importantes: a representatividade da ACE e a capilaridade de atingir todos os cantos da cidade e mostrar às pessoas o quanto é importante fiscalizar as contas públicas. O outro ponto é a possibilidade de o Observatório repassar as informações aos empresários do município.   “Poderemos acompanhar o que a Prefeitura está comprando. E se compra, por que nós não podemos fornecer? Por que o dinheiro não pode ficar em Jundiaí?”

O presidente do OS Jundiaí, Isven Magnus Blisktad, disse que a parceria será importante para ampliar os trabalhos uma vez que agora será possível contratar um profissional para atuar na área de licitações em período integral. “Este é um serviço trabalhoso que voluntário não consegue fazer”, afirmou. “A parceria será importante para nos dar apoio administrativo e jurídico mas nosso trabalho vai continuar totalmente separado e apartidário.”

Elton observa que a ACE Jundiaí será a principal mantenedora do OS mas a intenção é estimular outras entidades representativas da sociedade civil para apoiarem o Observatório, que realiza um trabalho baseado no apartidarismo, ética e comprometimento com a justiça social. Ele lembrou que o OS surgiu dentro da Associação Comercial de Maringá e atualmente as entidades têm abraçado esta causa em prol da transparência.  “O Observatório realiza um trabalho técnico e não político. É importante que tenha uma boa estrutura para trabalhar e contribuir para a melhoria da gestão pública.”

O Observatório de Jundiaí surgiu em setembro de 2016 e hoje são mais de 100 espalhados pelo Brasil. A estimativa é a de que no período de 2013 à 2016 as ações dos voluntários da OS já proporcionaram a economia de mais de R$ 1,5 bilhão em gastos que se apresentaram desnecessário.

Quem quiser contribuir com o OS Jundiaí pode acessar o link http://jundiai.osbrasil.org.br/doacoes-2/ ou entrar em contato pelo email jundiai@osbrasil.org.br.

 

Mantenedores

ObservatórioSocial do Brasil Jundiaí

O Observatório Social do Brasil Jundiaí é uma ONG, apartidária, vinculada ao Observatório Social do Brasil (OSB). Nossas ações são de acompanhamento e fiscalização da Administração Pública do município de Jundiaí, a fim de garantir a máxima eficiência na aplicação do dinheiro público. Venha fazer parte dessa rede de controle social!

Rua Heitor Stockler de França, 356, sala 101 | Centro Cívico | Curitiba – PR
CEP: 80.030-030
Telefone: 41 3307-7058
E-mail: contato@osbrasil.org.br